'Baralho do crime' na Bahia tem novo ás de ouro

Traficante e assaltante conhecido como 'Elias' ou 'Pinto' é procurado pela polícia do Estado

Marcela Gonsalves, estadão.com.br

17 de junho de 2011 | 17h39

 

SÃO PAULO - O "baralho do crime", lançado no início do mês pela Secretaria de Segurança Pública da Bahia com as imagens dos bandidos mais procurados, tem um novo ás de ouro. O traficante e assaltante Marcelo Henrique Menezes dos Santos, conhecido também pelos apelidos de "Elias" e "Pinto", estampará a nova carta. A mudança foi divulgada nesta sexta-feira, 17, e é a primeira atualização do jogo, que tem o objetivo de reforçar o trabalho do programa Disque-Denúncia.

 

O ás de ouro anterior era Fagner Souza da Silva, o "Fal", líder da organização criminosa "Comissão da Paz" e apontado como o principal distribuidor de drogas na Bahia, além de responsável pela conexão com a facção paulista Primeiro Comando da Capital (PCC).

 

As fotos dos bandidos Talisson Diego Soares dos Santos, o "Pé de Bolo", que morreu na última quarta-feira, 15, Genildo Oliveira de Jesus, conhecido como "Genilson", e Sandro Barbosa de Souza, o "Catatau" - capturados esta semana - ainda permanecerão no baralho, mas ganharão tarja indicando "falecido" ou "preso".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.