Barco que naufragou começa a ser içado do Lago Paranoá

Não há previsão de término para rebocamento do navio; no domingo, 22, naufrágio matou 9 pessoas em Brasília

Marcela Gonsalves, Estadão.com.br

27 de maio de 2011 | 17h43

SÃO PAULO - O barco Imagination, que naufragou no último domingo, 22, começou a emergir na superfície do Lago Paranoá, em Brasília. Nesta sexta-feira, 27, os bombeiros retomaram a operação que começou ontem para rebocar a embarcação.

 

Segundo a assessoria de imprensa dos bombeiros, por volta das 17h30 cerca de três metros da proa já eram visíveis sobre a água. O barco, porém ainda precisava ser colocado na posição horizontal.

 

Não há previsão para que a operação seja concluída, mas os técnicos estão fazendo o possível para que ela termine ainda hoje.

 

Nove pessoas morreram no naufrágio do barco, ocorrido no domingo. O corpo da última vítima foi resgatado ontem e identificado pelo Instituto Médico-Legal (IML). O corpo é do garçom Hadnilton José de Oliveira, de 31 anos, que ajudou passageiros a se salvar.

Com capacidade para 92 pessoas, o barco tinha 102 a bordo e apresentava defeitos mecânicos e rachadura no tubo de flutuação.

Tudo o que sabemos sobre:
Lago ParanoánaufrágioBrasíliabarco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.