Barco vira, e pai e filho desaparecem

O que era apenas uma pescaria para curtir o feriado prolongado da Semana Santa terminou em tragédia na madrugada desta quinta-feira.Quatro turistas, procedentes de Minas Gerais e São Paulo, saíram para pescar, por volta da 1h30, em um barco de alumínio de cinco metros de comprimento conduzido por Cláudio dos Santos, de 42 anos, residente em Ubatuba. Cláudio levou junto o filho de 7 anos de idade, Jefferson Nunes dos Santos.O barco virou e os corpos de ambos desapareceram no mar.De acordo com o tenente Danilo Godoy, do Corpo de Bombeiros de São Sebastião, o acidente aconteceu na praia de Picinguaba, próximo da divisa com o Rio de Janeiro."Embora duas pessoas estejam desaparecidas, quatro conseguiram se salvar nadando até a costa", disse. São elas Daniel Harder Saraiva Costa, 21 anos, Ricardo Porto Gittani Filho, 20, Letícia de Abreu Sirvertsel, 18, e Felipe Ozonia Monteiro Gama, 26.As duas vítimas se agarraram ao barco, e a criança usava colete salva-vidas.Os bombeiros inciaram as buscas na madrugada de quinta-feira com helicóptero, bote e moto aquática, paralisando as atividades durante a noite.Nesta sexta-feira, pela manhã, retomaram as buscas, mas até as 18 horas, os corpos não haviam sido encontrados.De acordo com os bombeiros, o colete foi encontrado na quinta-feira na praia de Camburí do Norte, e o barco foi avistado emborcado e boiando, nesta sexta-feira, por volta do meio-dia, nas proximidades do Condomínio Laranjeira, que fica na divisa do litoral carioca.

Agencia Estado,

13 de abril de 2001 | 18h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.