Batman e outros ex-policiais são denunciados por duplo homicídio no Rio

Ex-policiais são denunciados por executarem duas vítimas a tiros em 2007

Solange Spigliatti - Central de Notícias,

31 Maio 2012 | 11h41

São Paulo, 31 - Os ex-policiais militares Ricardo Teixeira Cruz, conhecido como Batman, e José Carlos da Silva, e o ex-policial civil André Luiz da Silva Malvar foram denunciados pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) por duplo homicídio.

Segundo denúncia, no dia 15 de maio de 2007, por volta das 16h, na Estrada do Mendanha, em Campo Grande, os denunciados, integrantes da milícia "Liga da Justiça", mataram a tiros Erick Rogério de Souza e Carlos Eduardo Ferreira. As vítimas estavam no interior de um carro quando foram surpreendidas pelos ex-policiais e executadas com dezenas de tiros de fuzil. Os três denunciados tiveram a prisão preventiva decretada pela Justiça. O único foragido é José Carlos, segundo o MP.

Segundo o Gaeco, após confronto balístico realizado durante as investigações, pelo menos duas das armas utilizadas para a prática do duplo homicídio foram usadas pelos denunciados também no atentado contra o desafeto Chico Bala e sua família, cerca de dois meses antes, no município de São Pedro da Aldeia. Todos os três denunciados foram condenados pelo Tribunal do Júri a penas superiores a 80 anos de prisão pela prática do atentado, segundo o MP.

Mais conteúdo sobre:
políciariocrime

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.