Bebê de 45 dias é baleado durante tiroteio em Salto

Um bebê de 45 dias recebeu um tiro na cabeça quando estava no colo da mãe, na noite de segunda-feira, no bairro Santa Cruz, em Salto, a 120 quilômetros de São Paulo. O bebê do sexo masculino foi atingido por uma bala calibre 38 quando três homens trocavam tiros com o pai da criança, Fábio Fernandes da Silva.Eles cobravam uma dívida que Silva se negava a pagar. A bala penetrou na parte superior do olho direito da criança, mas não atingiu órgãos vitais. Ela apresentava outro ferimento acima da orelha, levando a polícia a supor que um segundo projétil passou raspando sua cabeça. O ferimento de raspão foi produzido provavelmente pela bala que atingiu a mãe da criança, também ferida no tiroteio.O bebê foi levado para o Hospital Regional de Sorocaba e seu estado de saúde era considerado regular hoje. Segundo os médicos, ele ainda corre riscos. A mãe, de 17 anos, que não teve a identidade revelada, atingida na altura do peito, recupera-se bem.Segundo a Polícia Civil, o casal e o bebê estavam saindo de casa para passear quando chegaram três homens num veículo Brasília. A mãe continuou caminhando na calçada, enquanto Silva discutia com os recém-chegados. Em seguida, teve início o tiroteio. Um dos homens, Valdinei Fernandes, foi atingido por um tiro nas costas provavelmente disparado por Silva. Os dois homens foram presos. O pai da criança fugiu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.