Bebê é encontrado dentro de sacola em lanchonete do Sul de Minas

Menina com cerca de dois dias de vida ainda estava com o cordão umbilical

19 de setembro de 2010 | 13h32

Um bebê recém-nascido foi encontrado no começo da noite deste sábado em uma lanchonete no centro de Piranguinho, no Sul de Minas Gerais. A menina de no máximo dois dias de vida estava enrolada em um lençol e dentro de uma sacola. Ela foi colocada entre a porta da lanchonete e uma cerca baixa de madeira que guarda a entrada do estabelecimento.

 

Um dos funcionários chegou para abrir a lanchonete, por volta das 18h, e encontrou o bebê. Ele foi encaminhada para o Hospital Escola de Itajubá, cidade que fica a 10km de Piranguinho, e deve permanecer em observação por no mínimo sete dias.

 

A menina, que pesa 3,75 quilos, passa bem e deve ser submetida a uma série de avaliações. "O cordão umbilical ainda não foi cortado", dissee Alessandra Mota, do Conselho Tutelar da cidade.

 

A recém-nasciao vai ser encaminhado para o abrigo de crianças Casa Lar, na cidade vizinha de Brasópolis, e provavelmente deve seguir para a adoção. "Já recebi algumas ligações de mulheres interessadas em adotar o bebê", diz Alessandra.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.