Bebê morre em presídio ao lado da mãe no Espírito Santo

Criança de seis meses de idade morreu na segunda-feira; no domingo, foi diagnosticada uma infecção no ouvido

12 de dezembro de 2007 | 03h54

Na última segunda-feira, uma criança de seis meses de idade morreu dentro do presídio feminino de Tucum, em Cariacica (ES), na Grande Vitória. Segundo informações do Jornal da Globo, a menor passou mal no domingo e no posto de saúde, foi diagnosticada uma infecção no ouvido. No dia seguinte, a criança foi levada ao hospital, mas, de acordo com a Secretaria de Justiça do Estado chegou morta. Os integrantes da CPI do Sistema Carcerário foram ao local para ver a situação em que se encontram os filhos de presas, que vivem com as mães em celas superlotadas. O Brasil tem hoje, segundo a CPI, 25 mil presas. Não se sabe o número certo de grávidas, nem de mães amamentando em presídios. Um estudo da universidade de Brasília mostra que, em 2005, pelo menos 290 crianças nascidas de mães presidiárias viviam em cadeias. Imagens feitas pela CPI do Sistema Carcerário no presídio Bom Pastor, em Recife, capital pernambucana, mostram a mesma realidade. Na terça-feira, os membros da CPI se reuniram com o ministro da justiça e pediram a construção de creches e berçários em presídios. O Ministério da Justiça recebeu bem a proposta, mas disse que os estados precisam apresentar projetos, segundo o Jornal da Globo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.