Bebê sequestrado é resgatado pela polícia

O bebê Bruno do Nascimento, de cinco meses, foi resgatado nesta sexta-feira, dois dias depois de ter sido seqüestrado por uma mulher que ofereceu alimentos para a mãe da criança, a empregada doméstica Vânia Nascimento, de 33 anos. O momento do seqüestro foi flagrado pelo circuito interno de tevê de um supermercado em São Gonçalo, no GrandeRio, e ajudou a polícia a chegar à suspeita do seqüestro, Francisca de Souza da Silva Caldeira, de 29 anos.O drama de Vânia começou na quarta-feira passada. Ela contou ter conhecido Francisca, que se apresentou como Deise, na fila de um posto de saúde, onde a doméstica estava com os filhos gêmeos, Bruno e Breno.Bruno tinha problemas respiratórios e Francisca começou a conversar com Vânia. ?Ela ficou dizendo que ia doar cestas básicas. Depois disse que a gente podia fazer as compras num supermercado perto?, contou Vânia.Durante as compras, no supermercado Carrefour, Francisca ficou com Bruno no colo e disse que iria procurar por um produto do outro lado da loja, mas não voltou. Vânia, desesperada, procurou a polícia depois de esperar por mais de duas horas por Francisca. O supermercado encaminhou a fita à delegacia e as imagens foram veiculadas pela televisão. Uma denúncia anônima levou a polícia até a casa onde Francisca estava com Bruno, em Guapimirim, na Baixada Fluminense. Francisca negou que tivesse seqüestrado o bebê. Ela contou que se perdeu de Vânia, e por isso não devolveu a criança. Francisca tem dois filhos e contou que estava grávida há cinco meses, mas perdeu a criança. Ela será processada, e se for condenada pode pegar de 1 a 3 anos de prisão. Vânia comemorou o reencontro com o filho. ?Não tenhonem palavras para falar da minha alegria?, disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.