Bebê sobrevive após ser arrastado por 1 km durante assalto

Criança de 4 meses estava em uma cadeirinha de bebê e foi arrastado; ladrões conseguiram fugir

Solange Spigliatti, Central de Notícias

24 de abril de 2009 | 10h51

Um bebê de 4 meses sobreviveu após ser arrastado por quase 1 km durante um assalto na noite da quinta-feira, 23, em Maceió, Alagoas. Segundo informações iniciais da polícia, a mãe do bebê saía de um prédio no bairro de Ponta Verde quando foi rendida por três homens. Ela saiu do carro e tentou retirar a cadeirinha com o bebê, que estava no banco de trás.

 

Os bandidos aceleraram o carro e a cadeirinha ficou pendurada pelo cinto de segurança, pelo lado de fora do carro, arrastando o bebê. Os motoristas que passavam pelo carro roubado começaram a alertar os bandidos. Ao perceberem que uma criança estava sendo arrastada, os bandidos pararam o carro, colocaram a cadeirinha na calçada e fugiram.

 

Um motociclista que tentava avisar os bandidos sobre o bebê, ao ver a criança na calçada, acionou uma ambulância. A criança foi levada para a Santa Casa de Misericórdia de Maceió com ferimentos pelo corpo, mas não corre risco de morte, segundo a polícia.

Tudo o que sabemos sobre:
violênciabebêarrastadoAL

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.