Beija-Flor que repetir o título do ano passado

A Beija-Flor, quinta escola da noite a se apresentar, entrou na avenida com uma grande responsabilidade: ela veio depois da Império Serrano, cujo samba animou muito o público da Marquês de Sapucaí.O presidente da Beija-Flor, Farid Abrahão David reconheceu que a escola anterior levantou o público. Mas disse que a Beija-Flor também apresentou um grande samba. "Os jurados vão decidir a partir do conjunto e a nossa escola está completa, com belas alegorias e fantasias", disse ele. A Beija-Flor foi campeã do carnaval passado e pretende repetir o título.Leia abaixo a cobertura dos desfiles no Rio de Janeiro 2º DIA   Império Serrano reedita ?Aquarela Brasileira? e agita a Sapucaí    Luiza Brunet é o destaque do desfile da Imperatriz    Chuva e incidentes prejudicam desfile da Porto da Pedra    Tradição não empolga com samba antigo  1º DIA   Última a desfilar, Portela arranca gritos de "É campeã!"    Mangueira contra a trajetória do ouro de Minas até o Rio    Grande Rio entra na avenida com carros alegóricos censurados    História e tecnologia marcam o desfile da Salgueiro    Unidos da Tijuca festeja a criatividade dos cientistas    Caprichosos homenageia Xuxa, mas não empolga    São Clemente abre desfile com críticas políticas e sociais 

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.