Beira-Mar ficará isolado em Bangu 1

A governadora Benedita da Silva anunciou hoje que Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira Mar, será isolado em Bangu 1, onde está preso. Ele liderou o motim encerrado na manhã de hoje, que durou 23 horas e causou quatro mortes. Segundo Benedita, não haverá transferência de presos de Bangu 1, a não ser os 12 detentos já transferidos, que não têm ligação com a facção criminosa Comando Vermelho e são considerados neutros. Também foi anunciado um endurecimento na disciplina nos presídios no Rio, com novas regras a serem aplicadas a chefes integrantes de facções criminosas e a presos que tenham cometido "transgressões disciplinares de natureza grave". Segundo resolução do secretário de Justiça, os presos incluídos no Regime Disciplinar Especial de Segurança só poderão fazer com o mundo exterior contatos de correspondência escrita e leitura, ficando a entrega de alimentos e roupas restringida a uma vez por mês, por parte de familiares previamente cadastrados. Poderão ser proibidas visitas íntimas; e poderão ser suspensas regalias obtidas devido a bom comportamento. A governadora fez uma avaliação positiva do resultado do motim. "Não negociamos, não recuamos da nossa posição.", afirmou a governadora, que deu entrevista acompanhada do secretário Roberto Aguiar, do secretário de Justiça, Paulo Saboya, do comandante da Polícia Militar, coronel Francisco Brás, o chefe da Polícia Civil, Zaqueu Teixeira e do subsecretário operacional da Secretaria de Segurança Pública, Carlos Leba. O secretário nacional de Segurança Pública, José Vicente da Silva Filho, disse hoje que, para transferir Beira-Mar para presídios de outros estados, seria necessária a concordância do governo do Estado do Rio, da Justiça do Estado do Rio, da Justiça do Estado que receberia o criminoso e do governo desse Estado. "Vivemos um momento eleitoral complexo. Um governador, eventualmente candidato à reeleição, teria de decidir isso." afirmou ele. Segundo Silva Filho, a maior fragilidade do sistema prisional é o seu pessoal, que facilita eventualmente a entrada de drogas e de armamento nos presídios.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.