Beira-Mar tem nova prisão preventiva decretada

A Justiça decretou nova prisão preventiva contra o traficante Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, preso em Bangu 1, por homicídio e tentativa de homicídio. A decisão se baseia na interceptação de ligação telefônica, divulgada pelo Ministério Público na semana passada, na qual, segundo os promotores, Beira-Mar comanda, do presídio, a execução de integrantes de sua quadrilha.O criminoso comparecerá a interrogatório no processo sobre o uso de celulares na cadeia e sobre os assassinatos. O momento da chacina, ocorrida no dia 27 de julho, foi gravado por policiais federais, em escuta telefônica autorizada judicialmente a pedido do MP.Beira-Mar resolveu vingar-se de seus comparsas, porque eles mataram três integrantes da quadrilha sem sua autorização. Pelo menos duas pessoas morreram e uma ficou ferida. Os mortos são Antônio Alexandre Vieira Nunes, o Playboy, e Ednei Thomaz Santos. Adailton Cardoso Lima sobreviveu. O traficante chamado de ?Velho? teria fugido.O Ministério Público desconhece o destino de um quinto suspeito, conhecido como Daio. De acordo com o procurador-geral do Estado, José Muiños Piñeiro Filho, Beira-Mar já está condenado a ?mais de 400 anos? de cadeia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.