Berzoini será chamado para depor em Brasília

Ricardo Berzoini, afastado da presidência do PT e expulso da coordenação da campanha de Lula, terá que prestar contas à CPI dos Sanguessugas - além de depor à Polícia Federal, que já decidiu chamá-lo no inquérito sobre o dossiê Vedoin.Sua convocação foi anunciada na segunda-feira pelos deputados que vieram a Cuiabá investigar o caso. ´O depoimento de Berzoini é fundamental porque, qualquer que fosse o seu grau de conhecimento da compra do dossiê, sua atitude mais responsável seria o abortamento dessa operação´, disse o deputado Paulo Santiago (PT-PE), que atua na CPI. ´Foi uma operação nitidamente ilícita.´Ele considera insuficiente o afastamento do ex-presidente do PT e defende abertura de um processo ético. Santiago atribui ´à auto-suficiência de alguns dirigentes do PT´ o plano mirabolante.A CPI também decidiu convocar o empresário Abel Pereira. Ele teria se beneficiado de verbas do Tesouro na época em que Barjas Negri exercia o cargo de ministro da Saúde.

Agencia Estado,

10 de outubro de 2006 | 16h59

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõeseleições 2006

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.