BID dá US$ 368 mi para operação

A ViaQuatro, concessionária do grupo CCR, assinou ontem um financiamento de US$ 368,7 milhões com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para a operação da Linha 4-Amarela do Metrô de São Paulo, que deverá ser inaugurada em fevereiro de 2010. Como previsto no contrato de concessão assinado em sistema de Parceria Público-Privada, em novembro de 2006, o montante será dividido em duas fases, para operação e manutenção da Linha 4. Na primeira fase da operação serão financiados US$ 309,2 milhões e na segunda os demais US$ 59,5 milhões. Naquele ano, uma disputa jurídica provocada por uma liminar concedida ao Sindicato dos Metroviários se arrastou por meses até que a assinatura do contrato fosse liberada, no fim de novembro, pelo Tribunal de Justiça. O Tribunal de Contas do Estado também tinha atendido a pedido do sindicato para barrar o andamento da licitação - houve até uma greve política de 24 horas, em agosto. Principal rota de ligação da zona sudoeste de São Paulo, a Linha 4 marca a expansão da malha metroviária da capital paulista, percorrendo o importante corredor Consolação-Rebouças-Francisco Morato.

O Estadao de S.Paulo

08 Outubro 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.