Bilhete Único poderá ser pago com cartão de débito

Dentro de um mês, usuários dos cerca de 11 milhões de Bilhetes Únicos em circulação na Grande São Paulo terão mais duas opções para o pagamento da recarga: cartão de débito ou boleto bancário. A informação é do diretor de marketing da Associação Brasileira das Empresas de Cartão de Crédito e Serviços (Abecs), Antonio Rios. Em período experimental, as novas alternativas de pagamento de passagens de ônibus, trens e metrô estão sendo oferecidas em alguns poucos pontos da rede credenciada, como lotéricas e lojas de recarga de créditos de celular. Nesses locais, a mesma tecnologia já é usada para outros serviços, diz a SPTrans.A empresa não passou mais informações sobre o projeto em teste. A alegação é que a etapa de implantação do sistema ainda não foi concluída. A empresa também não quis informar se o serviço estará disponível para o passageiro em 30 dias ou se será preciso um prazo maior para que o benefício seja ampliado. A novidade deve facilitar a vida de muitos dos cerca de 5,5 milhões de passageiros que viajam diariamente nos ônibus, trens e metrôs da cidade. Segundo dados da SPTrans, somente 20% dos usuários ainda pagam as passagens em dinheiro. Com a recarga por meio do cartão, esse número pode cair.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.