Bolivianos detidos com 2,8 quilos de cocaína em Cumbica

Os bolivianos Abelita Guasace Avelleneda, Fanny Urape Pereira e Ricardo Ciro Dourado foram detidos, por volta das 20h30 de ontem, tentando embarcar em um vôo da KLM, com destino à Amsterdã, capital da Holanda, no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Cumbica, Guarulhos. Os policiais federais desconfiaram do trio que estava no balcão do check-in e fizeram a revista. A cocaína foi encontrada nas estruturas metálicas das malas dos traficantes e na cola da sola das sandálias das duas bolivianas. "Foi díficil localizarmos toda a droga; eles usam esse artifício para não perderem todo o entorpecente em caso de apreensão", disse o delegado Murilo Almeida Gimenez, da Polícia Federal em Cumbica. Antes de chegar a Guarulhos, o trio, que saiu de seu país de origem, viajou de ônibus pelos Estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e, por fim, São Paulo. Os três foram indiciados por tráfico internacional de drogas e podem pegar mais de 10 anos de prisão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.