SECOM/ES
SECOM/ES

Corpo de Bombeiros encontra mais um corpo em Mariana; oitava  vítima é identificada

Onze pessoas seguem desaparecidas na região onde ocorreu rompimento de barragens

Fabiana Cambricoli, O Estado de São Paulo

20 Novembro 2015 | 20h57

SÃO PAULO - O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais informou que identificou nesta sexta-feira, 20, a oitava vítima do rompimento de barragens em Mariana (MG) e resgatou mais um corpo na região do acidente. Com isso, além das oito mortes confirmadas, quatro corpos aguardam identificação.

De acordo com os bombeiros, o corpo identificado nesta sexta era de Samuel Vieira Balbino, de 34 anos, funcionário da Geocontrole BR Sondagens, empresa que prestava serviços à mineradora Samarco.

Onze pessoas continuam desaparecidas: três moradores de Mariana e oito funcionários da mineradora. Entre os corpos já identificados estão duas crianças.

Nesta sexta, o comandante geral do Corpo de Bombeiros esteve em Mariana para conversar com as famílias dos desaparecidos e negar a informação de que a corporação estaria reduzindo o número de equipes na região.

Segundo nota divulgada pelo órgão, "apenas as equipes que fizeram a varredura do Rio (Doce) é que retornaram para suas bases. Estas são equipes diferentes das que estão em Mariana".

A corporação afirmou ainda que irá enviar neste sábado, 21, uma equipe de 26 bombeiros para ajudar nas buscas próximo às margens do rio. 


Mais conteúdo sobre:
marianasamarcobarragens

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.