Bombeiros esperam relatório da polícia para retomar buscas

A Polícia Civil deverá divulgar nesta sexta-feira um relatório final sobre as buscas ao office-boy Cícero Augustinho da Silva, de 58 anos, desaparecido desde o dia do desabamento das obras da futura Estação Pinheiros do Metrô de São Paulo, segundo informações do delegado-geral da Polícia Civil, Mário Jordão. Caso confirmada a presença de Cícero no local do acidente, o Corpo de Bombeiros vai definir os novos passos para as buscas na cratera. Em entrevista coletiva, Antonio dos Santos, comandante do Bombeiros, deve informar quais são os próximos trabalhos a serem realizados no local do acidente. A retirada da grua que ameaçava cair pode ser feita no domingo, mas vai ser definida em parceria com a Companhia Engenharia de Tráfego (CET). A família suspeita que Silva estivesse na região do desabamento no momento do acidente. De acordo com reportagem da Rádio Eldorado, o rastreamento do celular dele, feito pela operadora, revelou que o contínuo ligou para sua família às 13h30 da Rua Cotoxó, na Pompéia, zona oeste da cidade.Ainda segundo o rastreamento, a última ligação que o celular de Silva recebeu foi de sua família, às 15h30, mas que caiu em sua caixa postal, minutos após o desmoronamento das obras da estação. A polícia, porém, ainda não tem indícios de que ele seria a sétima vítima do desmoronamento. Para saber a quantidade exata de pessoas que estavam dentro da van no momento do acidente, deverá ser observado o contador de passageiros do veículo, que ficava na catraca da van.Retirada da gruaEm uma reunião com a direção do CET, será definido quando a grua vai ser retirada do local. A desmontagem deverá ser feita, preferencialmente, em um domingo, para evitar transtornos no trânsito da capital paulista. Por medida de segurança, a Marginal do Pinheiros deverá ser fechada durante a remoção, que pode durar de sete a oito horas. Caso seja decidido pela retirada neste domingo, os preparativos para a retirada devem ter início ainda nesta sexta-feira.Esta matéria foi alterada às 12h05 para acréscimo de informações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.