Bombeiros localizam mais 3 corpos em Alagoas; NE contabiliza 41 mortos

Somente em AL, 29 pessoas morreram; número de desaparecidos na região passa de 600

Solange Spigliatti, do estadão.com.br

22 de junho de 2010 | 09h32

 

 

SÃO PAULO - As equipes de resgate do Corpo de Bombeiros localizaram mais três corpos em Alagoas, vítimas das enchentes provocadas pelas chuvas dos últimos dias. Com isso, sobe para 29 o número de óbitos no Estado e chega a 41 o número de vítimas em toda a região Nordeste.

 

Veja também:

linkRegião terá mais um dia de chuva nesta terça

linkLula anuncia liberação de FGTS para vítimas

linkGovernador de PE vai a Brasília pedir ajuda a Lula

 

O governo de Alagoas confirmou nesta tarde o desaparecimento de mais de 600 pessoas. De acordo com a Secretaria de Estado da Defesa Social, ao todo, 177.282 foram afetadas. Destas, 26.141 estão desabrigadas - aquelas que perderam tudo e precisam dos abrigos públicos - e 47.687, desalojadas - as que podem contar com a ajuda de vizinhos e familiares.

 

Pernambuco

 

As chuvas dos últimos dias já afetaram 54 municípios de Pernambuco e deixaram 30 em situação de emergência, segundo levantamento da Defesa Civil Estadual, divulgado nesta terça-feira, 22. Até agora foram contabilizados oficialmente 12 óbitos e ainda não há número oficial de desaparecidos.

 

De acordo com o levantamento, existem no Estado 17.719 pessoas desabrigadas e outras 24.331 desalojadas. Números que tendem a subir ao longo do dia, durante levantamento dos afetados nas cidades.

 

Além disso, pelo menos 32 cidades em PE ainda sofriam nesta terça-feira, com a falta de abastecimento de água. Segundo a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), 44 cidades foram prejudicadas. As equipes de manutenção da empresa já conseguiram restabelecer o abastecimento em 12 delas, segundo o diretor de Operações da Compesa, Roberto Tavares. Outras 12 estão com fornecimento parcial de água e outras 20 estão sem água.

 

A previsão é de que, nos próximos três dias, 80% do abastecimento seja restabelecido.

 

Mais chuvas

 

Segundo previsão do Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC). Nas capitais de Pernambuco e de Alagoas, as nuvens que se formam por conta da umidade que chega do mar provocam chuva fraca hoje.

 

No norte do Maranhão, no nordeste da Bahia, no oeste de Sergipe, de Alagoas, faixa central de Pernambuco e da Paraíba o dia será de sol com nebulosidade variável e pancadas de chuva. No Recôncavo Baiano o tempo fica instável com aberturas de sol e chuva a qualquer hora. No leste entre Sergipe, Alagoas e Pernambuco o tempo fica nublado com chuva. Nas demais áreas da região haverá predomínio de sol.

 

Texto atualizado às 19h25.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.