Bombeiros retomam buscas por operário soterrado em Porto Alegre

Um funcionário morreu com o desabamento de laje no sábado; outro ainda está soterrado

Priscila Trindade, estadão.com.br

29 Agosto 2011 | 10h25

SÃO PAULO - O Corpo de Bombeiros retomou na manhã desta segunda-feira, 29, as buscas pelo último operário soterrado em uma obra do Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae), no bairro Hípica, na zona sul de Porto Alegre, Rio Grande do Sul. No sábado, uma laje desabou, matando um funcionário. A grande quantidade de entulho que está no local prejudica o trabalho de resgate.

 

A laje de cobertura estava sendo concretada quando desabou, segundo informou a Prefeitura de Porto Alegre. Dos onze operários da empreiteira que trabalhavam no local, nove foram resgatados com vida. A maioria deles foi encaminhada para os hospitais da região.

 

O acidente aconteceu na obra para construção de estação elevatória de esgoto da estação de bombeamento Restinga, realizada em área do condomínio Jardins do Prado. As causas do desabamento estão sendo investigadas pela perícia técnica.

 

A prefeitura atua na operação de resgate com os serviços da Samu, Secretaria Municipal da Saúde, Defesa Civil, Guarda Municipal e EPTC, com o apoio do Brigada Militar e do Corpo de Bombeiros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.