Bope aprende pistola e granada em operação no Engenho Novo

Houve confronto e um suspeito acabou baleado; ele foi levado ao Hospital Salgado Filho, na zona norte do Rio

Solange Spigliatti, da Central de Notícias,

01 de setembro de 2009 | 10h15

Os policiais militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) apreenderam na manhã desta terça-feira, 1º, uma pistola Imbel 380, uma granada Arges e 13 munições intactas, durante patrulhamento na Comunidade do Rato, no Engenho Novo, zona norte do Rio. Houve confronto e um suposto criminoso não identificado foi ferido e socorrido ao Hospital Salgado Filho, na mesma região da favela. O caso foi registrado pela 24ª Delegacia de Polícia.

 

Na segunda-feira, agentes do 9.º Batalhão da Polícia Militar (Rocha Miranda) reforçaram o policiamento no Morro do Juramento, também na zona norte carioca. Pelo terceiro dia consecutivo houve troca de tiros na favela e a circulação de trens da linha 2 do metrô teve de ser interrompida por três vezes, durante a tarde, por motivos de segurança. Apesar do confronto com os criminosos, nada foi encontrado. Também não houve feridos, segundo a polícia.

 

Na segunda, o Bope também fez operação na Comunidade Acari, na região próxima ao Morro do Juramento, para combater o tráfico de drogas. Os policiais apreenderam 45 kg de maconha em tabletes e uma pistola. O material foi encaminhado à 39ª Delegacia de Polícia.

 

(Com Talita Figueiredo e Fabiana Marchezi)

Tudo o que sabemos sobre:
BopeRiooperaçãoEngenho Novo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.