Instagram
Instagram

AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Brasileiro é suspeito de matar ex-cabeleireiro de Cristiano Ronaldo

Ricardo Marques Ferreira foi encontrado morto, com marcas de facadas, em um quarto de hotel em Zurique, na Suíça

Redação, O Estado de S.Paulo

04 de novembro de 2019 | 13h25

ZURIQUE - O cabeleireiro português Ricardo Marques Ferreira, de 49 anos, que já trabalhou para o craque Cristiano Ronaldo, foi encontrado morto em um quarto de hotel de Zurique, na Suíça, com múltiplas facadas em seu corpo. Segundo o jornal português Diário de Notícias, o suspeito do crime é um brasileiro de 39 anos, que foi preso pela polícia suíça.

O corpo de Ferreira foi achado por uma camareira na última sexta-feira, 1º, envolto em poças de sangue. 

O cabeleireiro e maquiador vivia em Zurique desde 2017 e deixa dois filhos adultos. Ele trabalhou com diversas estrelas em Portugal além do atacante da Juventus, principalmente atrizes e modelos.

A identidade do suspeito do homicídio não foi divulgada. /ANSA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.