Brasileiro morre em Portugal com cocaína no estômago

Um brasileiro de 23 anos morreu em Portugal depois que duas das 52 camisinhas com cocaína que tinha no estômago se romperam. A morte aconteceu no dia 1º de fevereiro, no Hospital de São João, no Porto, mas a informação só foi divulgada na terça-feira, 6. O nome do brasileiro, que tinha chegado a Portugal no dia 26 de janeiro e estava hospedado num hotel da cidade, não foi divulgado. Ele começou a passar mal no dia 27 de janeiro; funcionários do hotel chamaram uma ambulância. 10 mil papelotes No quarto do hotel, a polícia encontrou 23 preservativos que já haviam sido expelidos. Os outros 52 foram encontrados na necropsia. Segundo a polícia do Porto, depois de misturada, a cocaína seria suficiente para 10 mil papelotes quando distribuída ao consumidor final. Ainda segundo a polícia, esta foi a terceira viagem do brasileiro a Portugal.

Agencia Estado,

07 Fevereiro 2007 | 17h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.