Brincadeira com água queima estômago de menina

A estudante Mauri Mariz, de 15 anos, perdeu a voz depois de ter tomado um copo de água provavelmente misturada com desinfetante, durante uma festa de aniversário, em Sorocaba, a 92 quilômetros de São Paulo. Ela sofreu também queimaduras de primeiro grau no estômago e está sob cuidados médicos. A água foi oferecida por um menino de dez anos durante a festa, realizada domingo.O menino estava acompanhado de outro garoto, de 13 anos. Segundo as informações de testemunhas, eles teriam feito uma brincadeira, misturando outra substância à água. Hoje, a Delegacia da Infância e da Juventude abriu inquérito para apurar o caso. Segundo a mãe da garota, Janda Mariz, a estudante estava na festa com os meninos. Ela pediu um copo de água e o garoto de 10 anos prontificou-se a ir buscá-lo, acompanhado do colega. Após tomar o líquido, Mauri reclamou que a garganta e o estômago pareciam queimar. Ela disse à mãe ter notado um gosto amargo na bebida. No dia seguinte, estava sem fala. Levada a uma unidade médica, passou por endoscopia. Os exames revelaram que seu estômago sofrera queimaduras. Foi constatada forte irritação nas cordas vocais. Hoje, a garota continuava sem poder falar. Ela não está freqüentando as aulas. A polícia vai ouvir os pais dos meninos que, supostamente, misturaram algo na água.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.