Britânicos ameaçam cancelar visitas ao Rio após assalto

O jornal britânico The Guardian destaca nesta segunda-feira o assalto ao grupo de 33 turistas britânicos que perderam jóias, cartões de crédito, passaportes e computadores no Rio de Janeiro. O diário afirma que "a estrada que liga o aeroporto internacional do Rio à reluzente zona sul ficou famosa nos últimos anos por seus roubos de carro e tiroteios".De acordo com o jornal, a empresa que vende o pacote turístico de luxo, a Horse Racing Abroad, teria dito que o Rio "provavelmente vai ser removido dos itinerários da organização".O Guardian dedica também uma página inteira ao movimento dos sem-teto brasileiros, acompanhando um dia na vida dos moradores do edifício Prestes Maia, no Centro de São Paulo, ocupado por milhares de pessoas.A reportagem diz que andar pelo prédio é como "fazer um passeio pelo Brasil. Em cada andar, vibra no ar um sotaque diferente", e que o edifício, apesar da aparência caótica é "uma comunidade meticulosamente organizada".

Agencia Estado,

23 de janeiro de 2006 | 11h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.