Buscas por leão solto no interior de SP não têm resultados

Polícia Ambiental vai permanecer monitorando região de Bady Bassit enquanto animal estiver no local

Chico Siqueira, especial para O Estado de S.Paulo

06 de maio de 2008 | 21h41

Em mais um dia de buscas, a Polícia Ambiental de São José do Rio Preto, a 440 km de São Paulo, não localizou o felino, que seria um leão e está amedrontando os moradores da zona rural de Bady Bassit. Na noite de segunda-feira, 6, a polícia recebeu ligação de moradores de um loteamento de chácaras na periferia de Rio Preto que teriam visto o leão. O loteamento fica a poucos quilômetros das matas onde o leão foi visto. Os policiais fizeram fotos das pegadas e enviaram ao zoológico, mas depois ficou constatado que as pegadas eram de gente. De acordo com o comando da Polícia Ambiental, as buscas e o monitoramento da região serão mantidos enquanto houver suspeita de que o animal esteja rondando pela região.

Tudo o que sabemos sobre:
leãoPolícia Ambiental

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.