Cabral pede a Lula reforço do Exército para resgate de corpos

Cabral pede a Lula reforço do Exército para resgate de corpos

Prefeitura de Niterói vai pagar custos do enterro de vítimas dos deslizamentos; número de vítimas sobe para 196

Pedro Dantas e Solange Spigliatti - estadão.com.br

09 de abril de 2010 | 13h19

Cemitério do Catumbi, no centro da cidade, onde as gêmeas Carolina e Camile, 17 anos, e a caçula Maria Isabel Santos, 8, foram enterradas 

 

RIO - O governador do Rio, Sérgio Cabral Filho (PMDB), anunciou nesta tarde que solicitou ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva e já obteve o reforço das Forças Armadas no resgate de corpos e no atendimento a sobreviventes no Estado.

 

Veja também:

link Retirar moradores de áreas de risco no Rio é inviável, diz especialista

link Deslizamentos deixam 3 mil desabrigados em Niterói

link Governo: Lixo em decomposição causou deslizamento em Niterói

mais imagens Imagens sobre o drama da chuva

especial As áreas afetadas pela tragédia

blog Dava para evitar a tragédia?

 

Segundo Cabral, dois hospitais de campanha serão montados em São Gonçalo, e homens do Exército, Marinha e Aeronáutica auxiliarão no resgate em meio aos escombros. O governador disse que os bombeiros avaliam em 150 o número de corpos soterrados no Morro do Bumba, em Niterói.

 

Mais corpos foram encontrados no Bumba, elevando para 22 os mortos no local. O secretário de Saúde e Defesa Civil, Sérgio Côrtes disse que vai treinar moradores dos dois municípios para evitar um surto de doenças como leptospirose.

 

Enterros

 

A Prefeitura de Niterói, através da Secretaria Municipal de Saúde, vai custear os enterros das vítimas dos deslizamentos na cidade, segundo informou a prefeitura nesta sexta-feira, 9. Parentes das vítimas estarão isentos de pagar qualquer taxa e demais custos com enterros, translados e transferências de corpos.

 

De acordo com o secretário de Saúde, Alkamir Issa, todas as vítimas terão direito a um sepultamento digno nos cemitérios municipais e, à medida que os corpos vão sendo liberados do IML, são encaminhados aos cemitérios. Nesta quinta, 45 pessoas foram enterradas e outros seis corpos se encontram na capela do Cemitério do Maruí para sepultamento.

 

Vítimas

 

Segundo o último relatório do Corpo de Bombeiros, o número de mortos pelas chuvas em todo o Estado chega a 196. Deste total, Niterói registra 116 vítimas; na capital, 60; em São Gonçalo, 16. Magé, Nilópolis, Paracambi e Petrópolis registraram um morto cada.

 

Texto atualizado às 17h02.

Tudo o que sabemos sobre:
Chuvas no RioNiteróiRioprefeitura

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.