Cadeia do Paraná tem fuga de 25 presos nesta madrugada

Em Marechal Cândido Rondon, cela com capacidade para 18 pessoas, continha cerca de 120; Ala era para detentos de alta periculosidade, abrigando homicidas e traficantes de drogas

Pedro da Rocha, estadão.com.br

18 de agosto de 2010 | 18h23

SÃO PAULO - Vinte e cinco presos fugiram do 47º Distrito Regional de Polícia (DRT), em Marechal Cândido Rondon, no Paraná, na madrugada de hoje, 18. Cinco deles já foram recapturados.

 

Segundo o polícia de Marechal Cândido Rondon, os detentos fizeram um buraco no local que passa o encanamento da pia, no pátio de convívio dos reclusos. O orifício deu acesso ao terreno do lado da delegacia.

 

A ala era para detentos de alta periculosidade, abrigava homicidas, traficantes de drogas. A cadeia, com capacidade para 18 presos, continha aproximadamente 120 detentos.

 

Autoridades de cidades vizinhas foram requisitadas para ajudar nas buscas dos fugitivos. Participam a Polícia Militar, a força-tarefa de Guaíra, e a polícia do município de Toledo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.