Calor dá trégua em parte do centro-sul do país nesta quarta

Nas regiões Sudoeste e Sul, temperatura não deve passar dos 25 graus; deve chover em todas as regiões

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

17 de fevereiro de 2010 | 08h35

As pancadas de chuva atingem grande parte do Brasil e o calor dá uma trégua em parte do centro-sul do país nesta quarta-feira, 17, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE).

 

Um canal de umidade se estenderá entre a Amazônia e São Paulo e provocará pancadas de chuva entre as Regiões Norte e Centro-Oeste, sul do Sudeste e norte do Sul. Em São Paulo, região Serrana e sul do Rio e centro-sul de Minas, volta a condição para temporais.

 

No Rio Grande do Sul e em Santa Catarina, a chuva ficará concentrada no leste, onde ventos de leste transportam umidade do oceano para o continente. O mesmo ocorre na faixa leste entre Paraná e sul de São Paulo, no entanto, nesta área a chuva deverá ser mais significativa e continua.

 

No Nordeste, calor e condições para pancadas de chuva de forma localizada, mas com chuva significativa entre Maranhão, centro-sul do Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Sergipe e Alagoas. Na Bahia, haverá apenas variação de nuvens no centro-leste do Estado.

 

Pancadas localizadas de chuva no final do dia entre leste e nordeste de Minas, centro-oeste do Espírito e norte do Rio. O dia será ventoso no litoral de Santa Catarina e do Paraná. E espera-se vento forte em pontos da costa destes Estados.

 

Depois de muito calor no centro-sul do Brasil o dia terá temperaturas máximas mais baixas e que não deverão passar dos 25 graus no leste de Santa Catarina e do Paraná. Em São Paulo, que esteve com temperaturas até 5 graus acima da média nos últimos dias; o calor dá uma trégua.

 

Isto devido a Zona de Convergência de Umidade (ZCOU) o que trará mais nuvens e chuva para o Estado diminuindo principalmente a temperatura máxima na faixa leste de São Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.