Câmara aprova armas para guardas municipais

As cidades com mais de 50 mil habitantes ganharam na Câmara mais uma vitória para garantir guardas municipais armadas em serviço. Nesta quinta-feira, os deputados aprovaram a Medida Provisória 157, que prevê tal benefício para cidades com população menor do que previa o Estatuto do Desarmamento, aprovado em dezembro.A MP está em vigor desde o dia seguinte à sanção do estatuto. Assim que é editada, a medida já tem força de lei e vigência automática, mas precisa da aprovação do Congresso para se tornar permanente. A MP 157 segue, agora, para o Senado. Assim que terminou a votação na Câmara, um grupo de deputados de diferentes partidos começou a montar uma frente para tentar barrar a medida.

Agencia Estado,

12 de março de 2004 | 05h31

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.