Câmara aprova reajuste salarial para servidores

Com as galerias do plenário tomadas por servidores, a Câmara aprovou ontem reajuste de até 46% nos salários dos funcionários do Senado. Na semana passada, a Casa já havia aprovado a proposta de emenda constitucional criando o piso salarial para os policiais militares, civis e integrantes do Corpo de Bombeiros. As duas sessões foram comandadas pelo presidente da Casa, Michel Temer (PMDB), candidato à vice-presidente na chapa da petista Dilma Rousseff.

Denise Madueño e Rafael Moraes Moura, O Estado de S.Paulo

08 de julho de 2010 | 00h00

O reajuste para o Senado contempla 6.630 servidores ? 3.300 concursados, 1.300 nomeados sem concurso e 2.030 aposentados. No caso dos policiais, o piso será nacional e beneficiará todos os integrantes das carreiras. O projeto do Senado terá impacto de R$ 217,7 milhões só neste ano e de quase meio bilhão no próximo ano. A proposta segue para sanção do presidente. /

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.