Caminhoneiro é preso com 30 kg de crack no Rio Grande do Norte

Prisão aconteceu na BR-101; caminhão baú seria descarregado em empresa de Distrito Industrial de Natal

Solange Spigliatti, estadão.com.br

29 Setembro 2011 | 11h52

SÃO PAULO - Um caminhoneiro de 50 anos foi preso em flagrante no Rio Grande do Norte nesta quarta-feira, 28, transportando 29,9 quilos de crack escondidos em um dos compartimentos da carroceria do caminhão.

A prisão do suspeito aconteceu durante fiscalização na Rodovia BR-101, na altura do Distrito Industrial, bairro de Nossa Senhora da Apresentação, em Natal. O caminhão baú aguardava na fila para ser descarregado em uma das empresas ali instaladas quando teve documentos e a sua cabine vistoriados.

Em um compartimento da carroceria, geralmente utilizado para guardar gêneros alimentícios, foram encontrados alguns sacos, embaixo de algumas caixas plásticas. Ao ser indagado sobre o conteúdo, o motorista afirmou ser "marmelada", mas como se tratava de uma grande quantidade, os policiais desconfiaram.

Ao abrirem a embalagem, os policiais encontraram 29 tabletes envoltos em bexigas coloridas (provavelmente para não exalar odor) de uma substância petrificada que submetida a um teste preliminar com reagente deu positivo para cocaína em forma de crack.

Durante o seu depoimento, o acusado, que já respondeu a processo por estelionato no Paraná, confessou que recebeu a droga em Cuiabá, no Mato Grosso, de uma pessoa que ele disse conhecer "apenas de vista", o qual lhe propôs a quantia de R$ 5 mil para levar a "encomenda" até São Luís, no Maranhão, onde seria contatado tão logo chegasse ao destino. Declarou ainda que esta foi a primeira vez que transportava drogas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.