Caminhonete invade festa no interior de Minas e atropela 15

De acordo com a Polícia Militar, antes do atropelamento, o carro ainda colidiu contra três veículos e derrubou um cavalete

Rene Moreira, Especial para O Estado, Estadão Conteúdo

28 Dezembro 2014 | 18h21

Um motorista foi preso em flagrante na madrugada deste domingo, 28, em São Tomás de Aquino (MG), após invadir uma festa de Congada e atropelar 15 pessoas. O evento acontecia em uma rua que havia sido fechada com esta finalidade, no bairro Rosário. Segundo a Polícia Militar, antes do atropelamento o carro ainda colidiu contra três veículos e derrubou um cavalete.

Na carroceria da caminhonete havia um barril de chope, mas o condutor se negou a fazer o teste do bafômetro. As vítimas, incluindo crianças, foram socorridas até a Santa Casa de São Sebastião do Paraíso (MG), duas delas em estado grave. O motorista causador do acidente também precisou ser medicado, sendo em seguida encaminhado para a cadeia.

A Congada é uma das festas comuns nesta época do ano no interior de Minas Gerais. No evento folclórico os participantes dançam e cantam temas religiosos até o dia 6 de janeiro. Porém, em São Tomás de Aquino, o acidente fez com que o município suspendesse as festividades. As causas do desastre serão apuradas pela Polícia Civil.

Mais conteúdo sobre:
atropelamento congada Minas

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.