Campanha de Alckmin nega que tucano fará cortes indiscriminados

Como forma de desmentir os comentários que circulam nesta terça-feira, 10, de que o candidato Geraldo Alckmin teria a intenção de promover cortes indiscriminados de gastos, o coordenador de campanha, senador Sérgio Guerra, divulgou nota em que classifica tais afirmações como "boatos e mentiras de adversários"."Todas as propostas e compromissos de Geraldo Alckmin estão em seu programa de governo. O resto são boatos e mentiras de adversários", afirmou Sérgio Guerra.Conforme a nota, a orientação do futuro presidente Alckmin é clara: "É destinar mais dinheiro para a saúde, mais dinheiro para a educação, mais dinheiro para a segurança, mais dinheiro para as estradas, mais dinheiro para o desenvolvimento".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.