Campanha do ‘Estadão’ homenageia leitores

Segunda fase começa neste domingo com novo filme de TV e 90 anúncios, que mostram a importância da informação com profundidade

07 Abril 2012 | 13h09

SÃO PAULO - A importância da informação com análise, em qualquer plataforma (jornal, internet ou tablet), marca a segunda fase da campanha institucional do Estadão, que começa a ser veiculada neste domingo, 8, em TV, rádio, cinema, revista e jornal.

"Nosso compromisso é fazer a cada dia, todos os dias, o melhor jornal que já fizemos na vida", diz o texto do comercial de 30 segundos que estreará no intervalo do Fantástico, na TV Globo. Mais uma vez, o slogan da campanha é: "Quer Saber? Estadão".

A homenagem aos leitores, presente no filme, também será transmitida em 90 anúncios impressos que serão veiculados todos os dias, a partir de domingo, nas páginas do Estado.

A agência WMcCann selecionou pessoas de idades diferentes e de diversas áreas de atuação - profissionais de marketing, artistas, cineastas e advogados, por exemplo - para mostrar a variedade de perfis dos leitores que valorizam a informação bem pesquisada e escrita. O gerente de marketing Danilo Sorrino, por exemplo, diz que ler o Estadão para ele, é hereditário, um hábito que é passado como tradição na família desde seu avô.

Muitos dos anúncios que serão veiculados nas próximas semanas já estão prontos, mas, como a ideia é mostrar histórias reais da relação dos leitores com o jornal, a diretora de marketing do Grupo Estado, Renata Ucha, conta que o jornal abriu um concurso cultural na internet para selecionar participantes que contarão suas histórias ao longo dos próximos três meses (veja o regulamento em: http://www.estadao.com.br/pages/regulamento/). "A ideia é mostrar que o conhecimento torna as pessoas melhores. E ressaltar que as pessoas que escolhem esse caminho saem na frente", diz Renata.

A ideia de credibilidade e profundidade ressaltada pelos anúncios fica transparente em pesquisas de marca. O Estado é reconhecido como o veículo de comunicação de maior prestígio do Brasil. O jornal foi o primeiro colocado em 2011 no ranking de veículos mais admirados, elaborado pelo Grupo Troiano de Branding. O Estado liderou a pesquisa pelo terceiro ano consecutivo e venceu em 8 das 12 edições.

Criação. O publicitário Washington Olivetto, sócio da WMcCann, afirma que a campanha foi a chance de a agência se envolver em um projeto socialmente importante: promover o consumo de conteúdos relevantes. "O importante do Estadão é a geração de informação de boa qualidade. Se é jornal ou internet, isso pouco importa", afirma Olivetto. "E acho que conseguimos fazer isso a partir da vida real, com gente que realmente lê e assina o Estadão."

Ele também destaca o ineditismo da criação de uma campanha "episódica", em que diferentes histórias são contadas todos os dias, por um período relativamente longo. "Acho que lá pelo 30.º anúncio vamos ter gente disputando para aparecer nos anúncios", diz o publicitário. "Eu acredito que é uma forma de as pessoas passarem uma mensagem positiva para o jornal e também para a comunidade."

Mais conteúdo sobre:
Estadão campanha leitores homenagem

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.