Twitter/ Neoenergia Coelba
Twitter/ Neoenergia Coelba

Campanhas arrecadam doações para vítimas das chuvas na Bahia; saiba como ajudar

Diversas prefeituras organizam ações sociais; cerca de 15,4 mil pessoas de diversos municípios do estado estão sem casa e precisam de auxílio

Renata Okumura, O Estado de S.Paulo

27 de dezembro de 2021 | 14h03

SÃO PAULO - Em apoio às famílias que tiveram lares destruídos pelas enchentes na Bahia, entidades e autoridades mobilizam esforços para arrecadar doações. O número de mortes causadas pelas fortes chuvas no Estado chegou a 18 no último fim de semana. Autoridades contabilizam pelo menos 286 feridos, 4.185 desabrigados e 11.260 desalojados. Ao menos 72 municípios já estão em situação de emergência.

Uma das vítimas da tragédia é a dona de casa Karine Silva Santos, de 27 anos, que em poucas horas, perdeu tudo o que tinha. Ela é da cidade de Itambé, no sudoeste baiano, onde a prefeitura pediu que moradores deixassem as casas após o rompimento de uma barragem. Grávida de 6 meses, e com outros três filhos menores, ela viu sua casa e todos os pertences se desmancharem na chuva que caiu na madrugada do dia 24.

A prefeitura de Itambé arrecada mantimentos, produtos de higiene e limpeza para os moradores afetados pela enchente que atingiu o rio Verruga.

Já a prefeitura de Itabuna, no sul da Bahia, informa nas redes sociais que a doação é feita por meio de transferência bancária - conta corrente ou Pix 

A prefeitura de Itororó também recebe doações por meio de conta bancária ou Pix. Os recursos arrecados serão doados aos moradores que tiveram prejuízos causados pelas fortes chuvas.

A prefeitura de Santa Cruz da Vitória está recebendo mantimentos, colchões, lençóis, entre outras doações para ajudar às vítimas das enchentes.

Quartéis do Corpo de Bombeiros da Bahia também se mobilizam para receber doações que serão destinadas às vítimas das enchentes.

Desde domingo, 26, o grupo Voluntárias Sociais da Bahia (VSBA), também se mobiliza para arrecadações. Quem quiser ajudar pode entregar alimentos não perecíveis, água, roupas e materiais de higiene e limpeza na sede da VSBA, localizada no Palácio da Aclamação, no Campo Grande, em Salvador, das 8h às 20h. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.