Campinas faz maior apreensão de ecstasy em 8 anos

Policiais da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (Dise) de Campinas apreenderam neste sábado 493 comprimidos de ecstasy, a maior apreensão dos últimos oito anos. O produto foi localizado em uma loja de informática no bairro do Castelo. Foram presos em flagrante o proprietário Ramiro Augusto Asbahr, de 24 anos; Fernanda de Andrade Santos, de 20; Giuliano Carlos Furlanetto, de 24 e Elaine Cristina do Prado, de 21. A Dise também interceptou um caminhão na rodovia Santos Dumont (SP 75) com 290 quilos de maconha junto a uma carga de 29 toneladas de milho. O motorista Paulo Sérgio Kramer, 36 anos foi preso. Foi a segunda apreensão de maconha na cidade. No dia 6 os investigadores da Delegacia de Investigações Gerais ( DIG) encontram 1,7 tonelada da droga escondida em uma carregamento de feijão em um sítio próximo ao Aeroporto Internacional de Viracopos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.