Campo Grande aprova lei de combate à dengue

Os vereadores de Campo Grande aprovaram nesta quinta-feira, 1º, lei que facilita o combate a epidemia de dengue que, desde o início deste ano, castiga 76 dos 78 municípios do Mato Grosso do Sul. Ao todo, foram notificados 53.146 casos no Estado. A decisão dá poderes para a prefeitura, visando a solução de várias situações.A nova lei resolve, por exemplo, o problema dos quase 200 mil imóveis fechados em Campo Grande, por motivo de viagens ou a espera de inquilinos, bem como a situação dos terrenos baldios. Ela obriga proprietários e responsáveis evitarem bolsões acumuladores de água, de forma a não permitir a proliferação do mosquito Aedes aegypti (transmissor da doença).Segundo afirmou nesta quinta o diretor executivo da Secretaria Municipal de Saúde de Campo Grande, Salim Cheade, a cidade está enfrentado a maior epidemia de dengue da história, com 27.300 notificações. O número é superior a registrada em 2002, quando somaram quase 21 mil casos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.