Canoa vira e 7 crianças morrem na represa Billings

Sete crianças morreram em um barco que virou a dez metros da margem da represa Billings, em São Bernardo do Campo, no ABC. As crianças estavam numa canoa artesanal de madeira, conduzida pelo desempregado José da Silva Filho, 39 anos. Ele contou ter colocado nove crianças na canoa e saído sozinho com elas pela água. "De repente eu vi que estava entrando água. Tentei voltar mas não deu tempo. Foi tudo muito rápido", contou Silva. Ele conseguiu salvar o filho de 3 anos, mas perdeu o mais velho, de 9 anos.Segundo a Polícia Militar, a canoa virou num trecho de aproximadamente 10 metros de profundidade. "Quando chegamos, três crianças já haviam sido levadas para o hospital. Os bombeiros tiraram seis crianças do fundo da represa", contou o sargento Duarte, da PM.Das três crianças levadas para o hospital, um menino de dois anos não resistiu. Além dele e do filho de Silva, morreram quatro meninas, duas de 9 anos, uma de 5 e uma de 11; e um menino de cinco anos. Silva foi autuado em flagrante por homicídio culposo e deve responder em liberdade. Atualizada às 21h27

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.