Cansada de apanhar, faxineira mata o marido

A faxineira Lucimari de Fátima Silva, de 28 anos, matou, por volta das 19h desta quarta-feira, o próprio marido, Faustino Barbosa da Silva, 30, com um tiro de espingarda contra a cabeça dele. O crime ocorreu na casa do casal, na Avenida Coronel Cezefredo Fagundes, na Vila Santa Inez, próximo à divisa com o município de Mairiporã,extremo Norte da capital paulista.Segundo Lucimari, mãe de duas crianças, o marido, que era procurado por dois homicídios, a espancava constantemente. Na noite desta quarta, após chegar em casa, a sessão de agressões voltou a se repetir. Lucimari teria tomado das mãos de Faustino uma espingarda e atirou contra a cabeça dele. O homem morreu caído no sofá.A faxineira mesmo acionou a Polícia Militar após matar Faustino. Levada ao 20º Distrito Policial, da Água Fria, a mulher foi indiciada por homicídio doloso e a intenção do delegado é liberar a mulher para que ela responda judicialmente ao crime em liberdade, pois, segundo o delegado, o crime caracteriza-se como de legítima defesa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.