Cão labrador salva dono e a filha de ataque de pitbulls

Um cão da raça labrador evitou que seu dono, o operador de máquinas Sidnei Rodrigues de Oliveira, de 33 anos, e sua filha de dois anos de idade, fossem atacados, hoje, por dois cachorros da raça pitbull em Americana, na região de Campinas. O cão lutou com os outros dois cães e ficou bastante ferido. Os pitbulls estavam soltos na rua. O caso foi registrado pela Polícia Civil como omissão na guarda de animais. Na terça-feira, na zona rural de Limeira, Antônia Firmino, de 49 anos, foi morta por dois pitbulls.Os cães tentaram avançar em Oliveira e a filha, na Rua das Tamareiras, no bairro Vale das Nogueiras. "Eu estava saindo na calçada com a minha menina no colo quando percebi os dois cachorros correndo em minha direção. A nossa sorte foi que meu cachorro também saiu e avançou sobre os dois. A briga foi feroz e o meu cachorro ficou muito ferido e foi arrastado. As pessoas jogaram pedras e afugentaram os dois pitbulls para a casa do dono deles", contou. "Acho que meu cachorro não vai sobreviver", lamentou Oliveira. Ele e a filha não sofreram ferimentos.De acordo com o operador de máquinas, não é a primeira vez que esses cães aparecem soltos na rua, assustando os moradores vizinhos. Até a tarde de hoje, o dono não havia sido identificado. Ele deverá responder inquérito policial. As informações são do site Cosmo/Agência Anhangüera.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.