Capitania dos Portos vai investigar acidente com catamarã

Equipe de inspetores está no local para apurar o ocorrido; pelo menos 15 pessoas ficaram feridas na travessia Rio-Niterói

Julia Baptista, do estadão.com.br,

23 de agosto de 2010 | 11h23

SÃO PAULO - A Capitania dos Porto do Rio de Janeiro informou que vai abrir um inquérito administrativo para investigar as causas do acidente com um catamarã da concessionária na manhã desta segunda-feira, 23, quando fazia a travessia Rio de Janeiro-Niterói. Uma equipe de inspetores da Capitania dos Portos foi deslocada para o local para apurar o ocorrido.

 

Pelo menos 15 pessoas ficaram feridas no acidente com a barca Ingá II, do tipo catamarã, que saiu da Praça XV, no centro do Rio de Janeiro, com destino a Niterói manhã desta segunda-feira, 23. De acordo com o Corpo de Bombeiros, onze vítimas tiveram ferimentos leves, e quatro, ferimentos médios. As vítimas foram encaminhadas ao Hospital Azevedo Lima e ao Centro Policlínico de Niterói. O catamarã sofreu uma pane elétrica e teve de realizar uma manobra de emergência e atracou nas pedras do Aterro do Gragoatá por volta das 7h50 horas.

 

Por volta das 9h30, o Corpo de Bombeiros fazia o resgate dos passageiros. A embarcação Ingá II foi rebocada para a estação de Araribóia onde os passageiros desembarcaram. Em função da ocorrência, o tempo médio de espera para embarque em direção à Praça XV é de, aproximadamente, um hora, segundo informação da Barcas S/A.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.