Carcereiro é morto após tiroteio em favela em SP

O carcereiro Hygor Garcia Rodrigues, de 26 anos, do Grupo de Operações Especiais da Polícia Judiciária (Decap) da capital paulista foi morto na madrugada desta quarta-feira, 20, na Alameda Rodrigo De Brum, Ermelino Matarazzo, na zona leste de São Paulo. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública (SSP), o carcereiro, que estava de folga, acompanhava policiais militares durante patrulhamento na Favela Naval. Ao abordarem indivíduos suspeitos, por volta das 3 horas, os bandidos começaram um tiroteio. O carcereiro foi atingido na região do quadril e foi encaminhado por um policial militar ao Pronto-Socorro Alípio Pereira Neto, onde morreu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.