Carioca é atingida por bala perdida no aeroporto de Fortaleza

Polícia ainda não sabe de onde partiu o disparo e imagens do circuito interno serão analisadas

Carmen Pompeu, O Estado de S. Paulo

13 Fevereiro 2009 | 14h54

Uma passageira carioca foi atingida por uma bala perdida nesta sexta-feira, 13, no Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza. A carioca Ivânia de Oliveira, de 38 anos, seguia para o terminal de embarque na madrugada desta sexta quando foi atingida na coxa esquerda. Ela iria viajar para o Rio de Janeiro, visitar parentes.   Ivânia foi levada por familiares para o Instituto Dr. José Frota, no Centro de Fortaleza, onde foi medicada e liberada ainda pela manhã. A bala atravessou a perna da carioca.   Nem a polícia cearense e nem a segurança do terminal sabem ainda de onde partiu o tiro. A Infraero acredita que os disparos possam ter partido de fora do aeroporto. Mas Denis de Oliveira, filho da vítima, discorda. "Foi com muita força. Ele (tiro) atravessou a perna da minha mãe. De fora não teria como a bala ter vindo com tanta força. Nós estávamos próximos à escada rolante, que fica muito distante da pista", disse.   Imagens do circuito interno de TV estão sendo analisadas. De acordo com Joice Ribeiro, assessora de imprensa da Infraero, tão logo foi informada sobre o acidente, a estatal verificou com a segurança armada se havia sido feito algum disparo. "Os cartuchos estavam completos e também as balas reservas", garantiu a assessora.

Mais conteúdo sobre:
bala perdida

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.