Carnaval nas estradas foi menos violento

O feriado de carnaval deste ano foi menos violento do que o de 2000 nos 56 mil quilômetros de rodovias federais brasileiras. É o que mostra o balanço final da Operação Carnaval, divulgado pela Polícia Rodoviária Federal. As estatísticas comprovam que houve redução nos números de acidentes, mortes e feridos. O número de mortes caiu 12,84% e o de acidentes, 14,15% em relação às ocorrências do ano passado. A Polícia registrou 129 mortes ante 148 do ano passado. Já número de acidentes baixou de 2.466 para 2.117. A quantidade de feridos passou de 1.537 para 1.339, o equivalente a uma redução de 12,88%. Segundo as estatísticas, o sábado foi o dia mais violento, com 33 mortes nas estradas de todo o País. Em Minas Gerais, onde está concentrada a maior parte da malha rodoviária federal, os acidentes diminuíram em 31,67% em 2001. Nos últimos cinco anos, o Estado vinha sendo o recordista em acidentes durante os feriados prolongados. Este ano, a Polícia Rodoviária reforçou o patrulhamento nas estradas mineiras para reduzir o número de acidentes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.