WILTON JUNIOR / ESTADÃO
WILTON JUNIOR / ESTADÃO

Carnaval tem 6,3 mil itens irregulares apreendidos pela Prefeitura do Rio

Agentes também recolheram 40 quilos de alimentos que eram vendidos sem autorização

Constança Rezende, O Estado de S.Paulo

05 de março de 2019 | 15h41

RIO - A Prefeitura do Rio apreendeu, até a manhã desta terça-feira, 5, mais de 6.300 itens irregulares no entorno do sambódromo e em diversos blocos pela cidade. Só nos blocos Sargento Pimenta e Virtual foram apreendidos 905 itens, como garrafas de vidro, botijões de gás, tupperwares e churrasqueiras. Os agentes também recolheram 40 quilos de alimentos vendidos sem autorização, como camarão, salsichão, balas e doces diversos.

Mais de 1.200 ambulantes foram vistoriados nas ações da Coordenadoria de Controle Urbano (CCU). Já o Procon Carioca notificou quatro camarotes e uma lanchonete na Sapucaí durante o desfile das escolas de samba do Grupo Especial, na noite de segunda e madrugada desta terça. Entre as infrações, estão alimentos sem informação sobre data de validade e problemas como falta de sinalização de emergência.

Segundo a prefeitura, as operações da CCU, ligada à Secretaria Municipal de Fazenda, têm foco na desocupação do espaço público por ambulantes irregulares e no combate à comercialização de materiais de vidro. De acordo com a prefeitura, há forte atuação também contra publicidade não autorizada, e a Coordenadoria de Licenciamento de Fiscalização (CLF) agiu na identificação de irregularidades cometidas por empresas, que receberão multas. 

 Nesta terça, os agentes de controle urbano e os fiscais de atividade econômica da CLF continuam a operação no entorno da Sapucaí e também realizam ação nos blocos da cidade. A CCU estará na Orquestra Voadora, Giro do Arar, Banda Largo da Segunda-Feira, Carmelitas, Vagalume Verde e Banda de Ipanema. Os produtos recolhidos nas operações são encaminhados para o depósito da prefeitura, onde podem ser recuperados mediante apresentação de nota fiscal.

Já a limpeza noturna feita por equipes da Comlurb resultou em 33,7 toneladas de resíduos. A quantidade de resíduos potencialmente recicláveis somou 1,7 tonelada, total que, segundo a prefeitura, será encaminhado para as cooperativas de catadores credenciadas à Comlurb. O total de resíduos recolhidos em todos os dias de desfiles no Sambódromo, desde a sexta-feira, chega a 250,3 toneladas. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.