Carnavalescos cariocas comentam critério de desempate

O carnavalesco da Portela, Cahê Rodrigues, considera o critério de desempate pelo quesito Evolução, decidido nesta quarta-feira,21, benéfico para a escola de Madureira, que na sua opinião tem como maior trunfo um desfile coeso e empolgado. "Fomos bem no conjunto e na evolução, que são os dois critérios finais, porque a escola desfilou direitinho, com todo mundo cantando e as alas bem organizadas", disse o carnavalesco, que dividiu o trabalho com Amarildo de Mello. A ordem dos critérios foi sorteada no final da manhã desta quarta-feira, na sede da Liga das Escolas de Samba pelo seu presidente, Ailton Guimarães, o capitão Guimarães. O quesito Evolução será decisivo para determinar a campeã do carnaval carioca. Pelo sorteio ficou assim definido: o primeiro quesito a ser revelado será a comissão de frente; depois enredo; em seguida harmonia; samba enredo; mestre sala e porta-bandeira; alegorias e adereços; fantasias; bateria; conjunto e evolução. Cada quesito terá quatro jurados. Cahê acredita que a escola voltará no sábado para o desfile das campeãs, quando as seis primeiras colocadas repetem o espetáculo. "Vai ser uma disputa apertada, mas a Portela agradou o público, especialmente quando colocou Daiane dos Santos, que ninguém acreditava que era ela mesma. O nosso enredo é bonito, atual e moderno, exaltou o Rio e por isso estamos confiantes", declarou. Já o presidente da Imperatriz Leopoldinense, Luizinho Drummond, acha que a ordem do critério de desempate é indiferente para a agremiação de Ramos. "Normalmente, se houver empate, vai ser lá atrás, mas estamos bem em bateria, conjunto, evolução, não há problema", disse. Drummond comentou que acha difícil adiantar que escolas voltarão ao Sambódromo no próximo sábado porque houve um equilíbrio muito grande e "as outras 12 escolas estiveram perfeitas". A Imperatriz é a escola que mais campeonatos teve nos 24 anos do Sambódromo, com seis títulos, mas no ano passado ela não voltou para desfilar entre as campeãs porque não ficou entre as seis primeiras colocadas. "Os envelopes é que vão dizer o resultado, porque o desfile da Imperatriz agradou muito", disse.

Agencia Estado,

21 Fevereiro 2007 | 15h01

Mais conteúdo sobre:
carnaval carnaval 2007

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.