Carreta cai em ribanceira, explode e mata duas pessoas em MG

Caminhão transportava gerador de energia, que corria risco de explodir, e teve que ser resfriado

Fabiana Marchezi, do estadao.com.br,

20 de janeiro de 2009 | 12h06

Dois homens morreram no início da noite de segunda-feira, 19, depois que uma carreta desgovernada saiu da pista, caiu numa ribanceira de 4 metros e pegou fogo na altura do km 207 da BR-491, entre Elói Mendes e Paraguaçu, em Minas Gerais.  De acordo com o Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu por volta da 18 horas e o veículo, que transportava um gerador de energia de 123 toneladas, seguia de São Paulo para Mato Grosso do Sul.  Na queda, a carga se soltou. Mais de 15 mil litros de água foram usados para resfriar o equipamento, que também corria risco de explodir.  No início desta madrugada, os corpos de Antonio Marta Junior, de 46 anos, e Edivaldo Merciades de Souza, de 35, foram retirados do que sobrou da cabine. De acordo com os bombeiros, a empresa proprietária da carreta, que é de São Paulo, informou que dois funcionários estavam dentro do veículo.

Tudo o que sabemos sobre:
acidenteestradas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.