Cartas

Carta 19.564Fio de energia rompido Na noite de 10/2, minha casa teve a energia cortada devido ao rompimento de um fio por causa da forte chuva e raios. Liguei para a Eletropaulo e de madrugada veio uma equipe que consertou o fio, deu um número de serviço e recomendou que, se algum aparelho tivesse queimado, eu fosse a uma agência com aquele número. O micro-ondas queimou, e no dia 15 entrei no site da empresa para ver os documentos necessários, mas o endereço que lá consta não é o do atendimento. Fui à Av. Faria Lima, onde assinei uma permissão de retirada do microondas para conserto. Segundo a Brastemp o reparo custaria R$ 335, incluindo mão-de-obra, e decidi fazê-lo pela Eletropaulo, para ganhar tempo. Como o sistema estava lento, a atendente disse que transmitiria o número do protocolo para o meu celular e por e-mail, mas até o dia 20 nada havia vindo. Tentei falar novamente com a Eletropaulo e esperei 35 minutos na linha, mas ninguém me atendeu. Perdi mais 20 minutos, até que me atenderam na Ouvidoria. Tive de explicar toda a história novamente e pedi o número do protocolo - que eles não me deram.CLÁUDIA SOUZA CAMARGO COSTACapitalA Eletropaulo responde: "No dia 20/2 abrimos um pedido de indenização a ser finalizado até 20/4, segundo determina a legislação do setor elétrico. A concessionária tentou contatar a cliente para esclarecimentos, sem sucesso. Lamentamos o transtorno por ocasião do atendimento na loja e informamos que tomamos providências para que esse tipo de problema não volte a ocorrer."Carta 19.565Eletropaulo e ElektroA Eletropaulo nos orienta a manter as instalações elétricas em ordem, mas tive de instalar sistema de segurança no computador devido às constantes falhas no fornecimento de energia, causadas pelas chuvas e falta de manutenção. Recentemente (carta de 27/2), fiquei duas horas sem energia e não consegui ligar no 0800 da empresa, sempre ocupado. E quando sofremos danos e cobramos o prejuízo, os advogados encontram um motivo para por a culpa no consumidor. A Eletropaulo é que deveria se desculpar pelos transtornos e falta de manutenção da fiação de rua!GRIMA GRIMALDIVila IpojucaA Eletropaulo responde: "AAES Eletropaulo informa que a queda de energia foi causada por galhos de árvores sobre a rede. Para restabelecer a energia, às 21h05 do dia 20 as árvores foram podadas." Na Rua Pedro de Melo Souza, Freguesia do Ó, há um poste com a lâmpada queimada há meses. Fizemos vários chamados, mas não veio ninguém. O local está perigoso, pois devido à escuridão já houve assaltos. Será que o Ilume só vai tomar providências quando algo de mais grave acontecer?VERA LÚCIA VERSOLATO da SILVAFreguesia do ÓO Ilume responde: "Uma equipe de manutenção esteve na rua no dia 6/3 e fez uma remodelação, normalizando a iluminação da via."A leitora agradeceu e comentou que "o Ilume infelizmente só trabalha quando o problema é levado ao jornal". Mas o trabalho ficou muito bom. E ela encerra: "Parabéns ao Estado por ser um veículo tão importante e que se importa com o povo e seu bem estar". Tenho uma casa em Campos do Jordão, e quem fornece energia é a Elektro. O cálculo do consumo aplica uma tal ?constante de multiplicação?, que multiplica o consumo real por 20. A casa fica fechada três semanas a cada mês e o gasto se limita a duas lâmpadas de 15 Watts e uma geladeira (10-15 kW/mês), mas com a aplicação da ?constante? ele sobe para 300 a 600 kW (R$ 350!). REYNALDO PEREIRA da SILVACampos do Jordão/SPA Elektro responde: "Analisamos o histórico de consumo do leitor, a quem contatamos para marcar uma inspeção no medidor e nas instalações elétricas da casa, a ser acompanhada por ele ou pela pessoa que indicar. A constante de multiplicação é definida pela ABNT e varia segundo o aparelho de medição, que tem carga de energia coerente à declarada. Para apurar o consumo real, considera-se a diferença entre a leitura do mês corrente e a do anterior, multiplicando o resultado pela que consta no medidor. Quanto maior a constante do medidor, menor o n.º registrado na leitura num mesmo período; assim, a leitura de um medidor com constante de multiplicação 1 será sempre maior do que a registrada pelo equipamento de constante 20."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.