Cartas

Bases Comunitárias da PMA Base Comunitária da Polícia Militar estava, há anos, estrategicamente instalada no interior da Praça do Correio. A presença da polícia garantia a segurança dos milhares de transeuntes, que se dirigem, principalmente, ao terminal de ônibus existente lá. Agora, no final do ano quando o trabalhador recebeu o 13.º salário e está com dinheiro no bolso, tiraram a base de lá e todos estão sujeitos a assaltos. O lugar voltou a ser o quartel-general da bandidagem. Até o famigerado "jogo das tampinhas" ressurgiu para levar o dinheiro dos incautos.HAROLDO LOPESSão PauloA Polícia Militar do Estado de São Paulo esclarece ao leitor que a Base Comunitária Móvel continua na Praça do Correio, no Vale do Anhangabaú, tendo sido deslocada de lugar, para um local um pouco mais próximo da Avenida São João. A mudança deve-se à Feira da Natividade, evento natalino que começou no dia 5 e vai até o dia 12 de dezembro. A PM informa também que a Base Comunitária é deslocada periodicamente para vários pontos do Vale do Anhangabaú, para melhor preservar a segurança pública no local. A Polícia Militar pede que fatos pontuais, como os relatados pelo leitor (sobre o jogo de tampinhas), sejam comunicados às autoridades pelo telefone 190, para uma pronta ação. Por fim, a PM convida o sr. Lopes a participar do Conselho Comunitário de Segurança Centro (Conseg), que se reúne uma vez por mês no Sindicato dos Contabilistas, no Vale do Anhangabaú, na Praça Ramos de Azevedo, número 202, em que o leitor poderá apresentar suas reivindicações e participar das soluções.Farmácias do governoMinha mãe, Silvana Costa Ponte, de 49 anos, recebe gratuitamente o medicamento Avonex (Interferon-1b) da Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo, para tratar a sua esclerose múltipla. No início de dezembro, fomos informadas de que o Governo do Estado ainda não havia entregue os medicamentos. Esse remédio é essencial para que a doença não progrida.GABRIELA MACHADOSão PauloA Secretaria de Estado da Saúde esclarece que o medicamento Avonex está disponível nas farmácias do Estado, e que a paciente retirou a medicação no dia 5 de dezembro.A leitora confirma a retirada, mas acrescenta que, naquele dia, a distribuição ainda não estava normalizada. Sua mãe somente pode pegar a quantidade que necessita porque possui uma liminar.Postes-propagandaNovamente apareceram panfletos de planos de saúde nos postes da Avenida Santo Amaro, na altura do número 3.600. Ou o poder público toma uma medida firme ou abandona a fiscalização e transfere os fiscais para fazerem a limpeza. MAURO RIBEIRO GAMEROSão PauloO Subprefeito de Pinheiros, Nilton Nachle, disse que o combate a esse tipo de sujeira, que é crime ambiental, é feito diariamente pelas equipes de limpeza das subprefeituras de Pinheiros e de Santo Amaro. Esse tipo de material geralmente é colocado durante a madrugada, esclareceu. Ele prometeu intensificar a retirada e passou os telefones divulgados nos panfletos à polícia, para que seja feita uma investigação. Passarela incompletaA CPTM há alguns meses começou a cobrir parte da passarela da estação central de Itapevi. A empresa terceirizada contratada para esse trabalho fez a instalação somente de uma pequena parte da passarela, cobrindo apenas parte do corredor. A população que se utiliza da passarela, em sua maioria passageiros, sofre com as fortes chuvas, por causa do serviço incompleto. O que ocorre? Por que a CPTM não conclui de uma vez por todas essa obra? Seria falta de verbas? Se é por causa disso, a companhia não poderia fazer um empréstimo num banco para concluir o serviço? Diante de detalhes desse tipo é que formamos uma opinião sobre a administração dessa empresa, que, certamente, também não se empenhará para ampliar e melhorar os serviços de trens que servem a estação Amador Bueno que está em péssimas condições. É o governo do Estado de São Paulo "trabalhando"?ALBERTO NUNESSão PauloMárcia Borges, da assessoria de imprensa da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), informa que as obras de cobertura da passarela da Estação de Itapevi, na Linha 8 (Diamante), serão concluídas até 22 de dezembro, incluindo as áreas próximas ao acesso do saguão de bilheterias e bloqueios.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.